Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 11 de Maio, 2010

No mor(e)

perdida toda a concepção

do saber, do sentir e da paixão

repleto num vazio imenso que ecoa

como pétala  arrancada que voa

sair apenas para não partir

um passo após outro como nenhum

cair, levantar e não sorrir

uma fraca vontade, em palavras de pluma

aqui, cá dentro, não há farol

passeando à noite, num beco escuro

onde nunca entra a luz do sol

morre o passado e chora o futuro

Read Full Post »