Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 16 de Abril, 2011

indefinido

quando os olhos gastos dizem mais que a tua boca

a alma é cega e a vida oca

se desistes da vitória por uma curva apertada

a noite é clara e a manhã vem do nada

pois é assim que os dias cinzentos acontecem

o pó acumula e as perdas se tecem

pudesse ser apenas eu

canto redondo no escuro breu

Read Full Post »