Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 3 de Março, 2014

Vão

as palavras
que lavras
hoje são tuas
mas não te habituas
que onde elas vão
são relâmpagos sem trovão
sol sem sombra
diabo que te assombra
#
nem tudo
é Entrudo
grito sem dor
amor sem ardor
e amanhã
de manhã
o céu lava o breu
e o bravo sou eu

Posted from WordPress for Android

Read Full Post »

podia ser o finito

mas acabar é ser primeiro

que a luta

dizer sem ter dito

parte menor do inteiro

razão que se refuta

e quando a emoção

te toma os olhos

e a vitória são escolhos

o sim será sempre não

tudo é estranho

a lua

o caminho

a aurora sem tamanho

ela é tua

mas sonho sozinho

Read Full Post »