Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Maio, 2014

Matiz

tentei ser criança
mas depois cresci
tentei colher a esperança
e já quase a perdi
fui capaz de tanto
feliz com pouco
já sorri ao encanto
calei-me como um louco
       “what the hell am I doing here?
       I don’t belong here!”
estranho e distante
quieto e calado
rotina errante
juízo errado

Posted from WordPress for Android

Read Full Post »

Comentário

image

Memory loss, ou como nem todas as couves fazem um bom caldo verde….
E voltou a artrose ao dedo do meio!

Posted from WordPress for Android

Read Full Post »

Entre hoje e o infinito

há menos que um segundo
se olhares o céu
à noite
e para lá desse mundo
da protecção desse véu
a diferença dói-te
e amanhã só será diferente
se o óbvio estiver ausente

Posted from WordPress for Android

Read Full Post »

Laço

clouded

sou formiga

sombra que abriga

grão de espiga

ponto negro no espaço

linha e traço

nó e laço

Read Full Post »

agora

a noite é vaga

que a mão a traga

onde a memória não floresce

e a cortina se feche

agora

que há carreiro de formiga

a semente brava que o diga

quando o vento falha

e a sorte não calha

agora

acabou a luta

só há roupa enxuta

aroma e poema

dúvida e dilema

Read Full Post »

Maio de só

image

Live and let leave!

Posted from WordPress for Android

Read Full Post »

Or_ange(l)

image

no chão, onde há vida e morte, tudo tem lugar, espaço e cor.  e as asas dos anjos descansam.

Posted from WordPress for Android

Read Full Post »

Older Posts »