Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Saudade’ Category

Photo on Visual Hunt

há sempre um suspiro perdido no peito

uma andorinha sem jeito

em busca da Primavera

há sempre algo no fundo duma arca

uma paixão parca

que um dia foi sincera

e depois vem a ventania

um por-do-sol no fim do dia

e uma lágrima que se encontra na memória

e um ombro amigo para ouvir a história

Read Full Post »

essa beleza estranha

que se esconde na incerteza

onde cada lágrima se apanha

numa gota de chuva quente

que se sente na emoção

em nenhum momento de tristeza

(pois ninguém chora nem sente

a redundância de dizer: não!)

Read Full Post »

traço contínuo

Vias e veias

Photo on VisualHunt

nas veias correm o sangue e o vento

tudo é desordem

cá dentro

não há estrada sombria

onde passes e sonhes

no momento da partida e da mudança fria

nas pegadas que deixes

ao sabor da chuva

na curva cega

na folha que cai para sempre

todos os dias

para que lembre

de que nada serve a si

pois ninguém perdeu o que já perdi

e as lágrimas vazias

são o eco e a contrição

da prece que sempre se esquece

na areia quente da tua mão

nas ondas calmas onde o passado navega!

 

Read Full Post »

tree-fog-forest-nature-landscape-mist-light

Photo on Visualhunt

 

leaving all the light behind

out of sight

out of mind

when the dark has no meaning

all the letters are lost

and the spiders are singing

their song in the mist

where the hands got blind

Read Full Post »

Sweet Potato Vine

de tudo o que se veste o passado

jaz e traz escuridão

desbotado

onde renasce a tua mão

¨¨¨¨¨¨¨¨

e no silêncio onde me escondo

não há cor nem contraste

será sempre redondo

o espaço que deixaste

¨¨¨¨¨¨

encontrar as palavras e as memórias doces

numa pausa embriagada

não é nada

é apenas a estrada

onde eu ia se tu fosses

Read Full Post »

owl-bird-tree-nocturnal-perched-predator-avian

Photo on Visual Hunt

já lá vai o dia

e nem sempre se promete

nem jura

com lágrimas de alegria

pois só o eco repete

a saudade que nunca dura

¨¨¨¨¨¨¨¨

sentado

perdi a noção e a paixão

que um dia voará a meu lado

 

Read Full Post »

 

sê a tristeza nos canaviais

a beleza no jamais

desiste sempre que a luz brilha

insiste no que ninguém perfilha

caminha e lembra o começo

desde agora até ao berço

(…)

acorda quando o sonho se dilui

adormece quando a saudade flui

sinto a tua mão quando digo não!

Read Full Post »

armas e outras linhas

long-exposure-of-street-and-lights

Photo on VisualHunt

todos os dias

as horas passam

o tempo passa

numa exposição lenta

como linhas numa sebenta

e nesta alegria escassa

os anjos dançam

as minhas silenciosas melodias

Read Full Post »

blu(e)red

Photo on VisualHunt

a cada dia venço uma etapa

nesta capa

de livro fechado

nesta dança sem movimento

nunca tento

saber o passo

 

a cada noite busco o sonho

e nunca ponho

um risco no passado

perdi o pouco que tive

fui embora onde nunca estive

já não há muro para tanto traço

Read Full Post »

5570642074_001851162b_c

Photo by Tilman Haerdle on Visualhunt.com / CC BY-NC-ND

porque foste e me deixaste

aqui sentado

a olhar o céu estrelado

ao ver a chuva cair

lembro-me desse sorrir

das palavras inéditas

que só tu sabias

e que as dizias

como se estivessem escritas

no livro que nunca leste

– e nesta fracção breve do que dou

terei sempre em mim a tua mão

o teu cabelo alvo

e em todos os sonhos que salvo

na noite sem escuridão

serei sempre mais daquilo que sou

Read Full Post »

Older Posts »