Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Paz’

nettles-weeds-sunset-plants-herb-wild-flora

Photo via VisualHunt.com

agora

a noite é vaga

que a mão a traga

onde a memória não floresce

e a cortina se feche

agora

que há carreiro de formiga

a semente brava que o diga

quando o vento falha

e a sorte não calha

agora

acabou a luta

só há roupa enxuta

aroma e poema

dúvida e dilema

Read Full Post »

Companha

lantern-old-light-evening-twilight

Photo via Visualhunt.com

queria

ser a luz do dia

o crepúsculo da tarde

a paz da tempestade

todas essas coisas que todos guardam

numa gaveta cheia

num grão de areia

e esquecem a revolta contida

beijam a ferida

que os sonhos saram

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

ao longe tudo parece menos

acordes serenos

da música habitual

que ouves quando há nostalgia

ou se não houver poesia

nos livros que não escreveste

nas entrelinhas que não leste

nessa rotina sem ritual

>

a noite acompanha-me em silêncio

numa brisa cinza

num manto de encanto

mergulho em mais um início

de dias crescentes

e paixões ausentes

Read Full Post »

baraço

rain-floor-water-wet-drops

Photo via Visualhunt

se fores capaz de ser

poesia tépida no chão da vida

não basta querer

só o descrente acredita

que um dia poderá ter

uma paz infinita

uma nuvem que faz chover

nos olhos da despedida

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

de que lado se entrega um abraço?

como se desfaz um nó de paz

nas duas pontas dum simples baraço?

Read Full Post »

escada

11188709176_4d5afeede7_c

Photo credit: Stanley Zimny (Thank You for 16 Million views) via Visualhunt.com / CC BY-NC

imenso é o espelho onde o silêncio reflecte

degraus gastos

sentimentos nefastos

lábios secos, puros e castos

e essas palavras repetidas todos os dias

as mãos vazias

sem valor de frete

Read Full Post »

moon

outros tantos lugares vagos

insolúveis

onde o amanhã é somente matéria

submissão e desleixo

essas obras feitas de palavras-alvo

seta

aprendizagem fortuita de criança só

sem continuidade nem raízes

num banco de jardim onde não há flores nem cisnes brancos

Read Full Post »

cold-snow-black-and-white-road

Photo via VisualHunt

se tiveres na mão todos os desejos

viaja pela bruma

onde o vazio se preenche

alguém espera que os dividas

como se fossem as últimas sementes na terra

esperando o sol

e um abraço sem contrapartida

vale todos os beijos

ou coisa nenhuma

mas nessa maré que nunca enche

há tantas lágrimas perdidas

tristeza que a areia enterra

que o horizonte engole

para o outro lado da vida

Read Full Post »

Esse tempo de ficar

MINOLTA DIGITAL CAMERA

Light on the wall

 

ser o medo e o escuro

de toda a emoção, um sorriso a recordar

de dentro deste silêncio puro

vem o amanhã onde não se quer chegar

ficar aqui, neste lugar inculto

onde o diálogo é um vulto

rasga-se a fé numa prece exausta

outro dia virá com uma mesa fausta

¨¨¨¨

a lua guia uma alma a um lugar melhor

longe dessa luta inglória

fica a doce memória

duma aura intensa em seu redor

Read Full Post »

Older Posts »